Santa Habitação (08.05.17)

Digo do coração sensato,
no qual o Senhor permanece
permanentemente...

Digo da alma que em meio aos
barulhos recolhe-se e silencia..
Digo do ardente desejo de santidade
que por inúmeras vezes o pecado
consome...

Digo das almas que assim como a
minha são pobres e miseráveis, mas
que desejam ser para Deus uma santa
habitação.

Postagens mais visitadas